Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

As minhas manias de aeroporto


Image-1

O ano está quase a terminar e é uma “desculpa” para reflectir sobre o que aconteceu e o que quero para o futuro.  Uma das coisas que continuo a achar é que gastar o dinheiro numa viagem ou num livro (não vou dizer “bom”, porque isso é subjectivo) continua a ser a maneira mais inteligente de se gastar dinheiro, e pelo menos, a que me deixa mais feliz.
Passei muitas horas em aeroportos este ano, por isso decidi dedicar este post a todos os que adoram viajar. Conto-vos algumas “manias” e também cuidados que tenho a partir do momento em que entro num aeroporto.
IMG_2185

LER

Tenho a “mania” de comprar sempre uma revista quando entro no Duty Free ou mesmo antes. Gosto de ler nos meus tempos livres e esta também é uma maneira de informar-me. Quando estou em Portugal compro a Visão, por exemplo, mesmo que tenha o meu livro de algibeira para ler. Sou uma leitora fiel desta revista. Também gosto muito de ler a Time.

COMPRAR ALGUM CAPRICHO

Sim, isso mesmo, “comprar algum capricho” de vez em quando não faz mal a ninguém. Ainda por cima quando estás “Em Terra de Ninguém” e não pagas taxas… maravilhoso!

PASSAPORTE

Confirmar centenas de vezes se tenho o passaporte ou outros pertences importantes comigo. Como sou bastante despistada, não seria difícil perder algo indispensável!!

CAFÉ

Como não ficar cafeinómana em Portugal? Expliquem-me. O aeroporto é só outra desculpa para tomar mais cafés do que num dia “normal”. Também adoro apoderar-me num assento de um café,  ficar ali horas e conquistar a tomada, como estou a fazer neste momento que vos escrevo 🙂

IMG_2177IMG_2178

AURICULARES

Nunca vos aconteceu estar sem ouvir música durante o dia e quando ouvem pela primeira vez, pensam: “era mesmo isto que me esta a  faltar!”? Por isso os meus auriculares nunca faltam na minha mala.

TOALHITAS

Nunca é demais preparar um mini-nécessaire, com umas toalhitas húmidas, uns lenços e uns comprimidos (no caso de uma dor de cabeça inesperada). Normalmente a escova  e pasta de dentes também são dois “must have” na minha malinha.

HIDRATAÇÃO

Litros e litros de água sempre comigo. Sim, já sei que é um escândalo comprar garrafas de água nos aeroportos! Também não dispenso o meu batôn do cieiro, mas isso sempre fez parte da minha identidade (andar sempre com o batôn no bolso). Gosto muito, particularmente do novo da Labello Nude, que tem uma cor pérola e uma suavidade espectaculares.

O que menos gosto nos aeroportos?

Do ar condicionado! Dou por mim e tenho uma necessidade tripla de hidratar-me, por isso levo sempre comigo o meu creme Nivea Soft. Prático, leve e barato. Um clássico! A água termal também é uma boa opção para hidratar a pele nos aeroportos e aviões, mas normalmente não a levo a minha na mala de mão porque passa dos 100ml. Se um voo foi cancelado? Resta ter paciência e aproveitar o tempo que é precioso. 🙂

E vocês?  Têm mais alguma mania? Conselho?

IMG_2176

Deixa aqui o teu comentário

error: O conteúdo está protegido.
Dora Matos - Health Coach